sexta-feira, 25 de novembro de 2011

A carta

E finalmente Elisa criou coragem.

- Olá,moço. Preciso mandar essa carta. É para o amor da minha vida. - E entregou o envelope ao atendente dos Correios. - Pode me ajudar?
- Sim, claro. Mas falta preencher o endereço do destinatário.
- É que eu não tenho seu endereço.

sábado, 19 de novembro de 2011

Criação

Deus respirou fundo naquela manhã. Em seus pulmões, corria um ar cheio de amor por cada bichinho da terra que havia criado. Esse amor era tanto, que o Rei do universo quis compartilhá-lo com um ser especial que, embora ainda não existisse, já era esperado e planejado da maneira mais sublime.

Com todo carinho do mundo, moldou a certa criatura à sua imagem e, satisfeito, soprou um denso ar cheio de amor em seu nariz. Assim nasceu o homem. Aquele que fora escolhido para respirar um fragmento da alma divina por toda a eternidade.